Literacia financeira é “uma aposta que tem de ser feita”

  • Publicado em May 28, 2024

Catarina Carnaz trabalha na área da comunicação interna da consultora PwC e foi uma das oradoras das Talks de Educação Financeira do Por Tua Conta. Neste evento, ajudou os alunos do Ensino Profissional a compreender melhor a entrada no mercado de trabalho e, no final, falou-nos também da importância da literacia financeira.

Saber gerir melhor as finanças pessoais ganha outra importância com a chegada ao mercado de trabalho. Nas TEF Talks, que pode recordar neste artigo, os estudantes do Por Tua Conta tiveram oportunidade de ouvir especialistas a esclarecê-los sobre estas duas áreas: a financeira (sobretudo, no que aos impostos diz respeito) e a do início da vida profissional.

Esta última é naturalmente uma fase de muitas dúvidas para os jovens e, por isso, coube a Catarina Carnaz, Internal Communications Senior Manager da PwC, ajudar a esclarecê-las na talk “Terminei de estudar. E agora?”.

Sobre este grande passo, a Senior Manager da PwC referiu que os alunos “nunca sabem muito bem o que é que devem esperar” do mundo do trabalho que é, para eles, “um bocadinho mais cinzento”. Por isso, a sessão foi centrada em aspetos como a “preparação de currículo, preparação de uma carta de apresentação e preparação para uma entrevista”.

Catarina Carnaz reconhece a importância de projetos como o Por Tua Conta, num contexto em que a literacia financeira continua a ser um desafio em Portugal. “Esta é uma aposta que tem de ser feita, talvez até em termos mais estruturais e em termos mais governamentais. É um tema que tem de ser muito trabalhado”, referiu, acrescentando que “ao sabermos gerir financeiramente a nossa vida, conseguimos impactar positivamente a nossa felicidade e o nosso próprio mundo”.

Sobre o envolvimento da PwC neste projeto, a oradora afirmou que: “esta é uma área que nos diz muito e aquilo que nós podermos fazer para contribuir para a comunidade, a este nível, nós vamos certamente fazer”.

“É um target que precisa deste apoio e informação, e, portanto, nós estamos sempre disponíveis para ajudar. Nós [na PwC] vendemos conhecimento, portanto, é nossa obrigação entregar este conhecimento a quem mais precisa”, acrescentou.

A parceria entre a Fundação António Cupertino de Miranda e a PwC estende-se ainda a eventos como a Tax Summit, realizada no âmbito do projeto Eu e a Minha Reforma, dedicado à capacitação financeira e digital de adultos.

Obrigado, PwC Portugal, por continuarem connosco a levar mais longe a literacia financeira! 🙌